Partilhar  Versão para impressão  Correio Electrónico

Outras traduções

Austria - Comprar e vender

Contents extracted from the comprehensive atlas of international trade by Export Entreprises

Atrair a Atenção dos Consumidores

Oportunidades de Marketing

Comportamento do consumidor: O tradicional relacionamento comprador-vendedor (em que se considera que o comprador faz um favor ao vendedor) ainda existe em larga medida na Áustria, apesar de o conceito estar agora a mudar, sobretudo na geração jovem. Assim, as empresas devem evitar duras práticas de vendas que podem ter um efeito contrário ao desejado.  
Perfil do consumidor: O preço um factor importante na escolha do consumidor.  O país está a testemunhar uma mudança de paradigma, em que o preço se tornou o centro em vez da qualidade e do relacionamento pessoal.
  Ainda assim, o rendimento per capita na Áustria elevado e os consumidores são ricos, sofisticados e bastante diversos nos seus interesses e gostos.  
Principais agências publicitárias:

Rede de Distribuição

Evolução do sector: Apesar de ser um país relativamente pequeno, a Áustria desempenha um papel estratégico importante por se encontrar geograficamente situada nas encruzilhadas da União Europeia. Hoje em dia, o mercado austríaco encontra-se saturado em todos os principais sectores e, para penetrar neste mercado, o melhor a publicidade; ainda mais porque os consumidores austríacos estão a tornar-se cada vez menos sensíveis ao preço e a preocupar-se mais com o serviço ao cliente nas lojas.
  As principais zonas comerciais do país são Viena, Vorarlberg e Burgenland, com importantes áreas tais como a Styria e o Tirol.  
Tipos de pontos de venda: Em 2004, cerca de 80% do mercado de retalho na Áustria era controlado por empresas estrangeiras, com as empresas alemãs e terem uma forte presença. De facto, a Alemanha tem um papel muito importante no comércio austríaco, e possui mais de 15% do capital investido em cerca de 500 empresas.
  Desde 1995, a Áustria decidiu voltar-se para os países da Europa de Leste, alterando assim os seus canais de importação. Este fenómeno fortaleceu-se ainda mais depois de 2005 com a entrada destes países na União Europeia.
  Em 2003, o mercado a retalho de produtos alimentares estava avaliado em 14,3 mil milhões de euros, um aumento de 3,9% em comparação com o ano de 2002. Dois grupos dominam este mercado:
- Rewe austria (de origem alem) possui 30,2% da quota de mercado e o líder na distribuição de produtos alimentares.
- Spar (de origem austríaca) que possui 28,2% da quota de mercado.
  As lojas de desconto constituem também um enorme mercado, uma vez que contabilizam 25,6% do volume de negócios total do mercado a retalho de produtos alimentares. O Hofer controla 16,2% da quota de mercado, estando muito para l do Lidl com apenas 2,6%.
  A distribuição de produtos alimentares está muito consolidada e dominada por alguns grandes grupos que controlam 2/3 do total de vendas no país. Entre estes, os maiores grupos estrangeiros são o Bipa, que lida com farmácias, o Lutz e o Ikea, que lidam com mobiliário.
  O mercado a retalho dominado pelos grandes grupos alemãs, como o Markant e o Metro. A maior cadeia de lojas no país pertence ao grupo Billa.
Organizações nos sectores:

Procedimentos de Acesso ao Mercado

Cooperação económica: Como membro da UE (União Europeia), a Áustria faz parte do Espaço Económico Europeu. Desde que a Política Comercial Estrangeira da competência da UE, a Áustria no tem qualquer acordo bilateral de comércio livre. No entanto, como membro da UE, a Áustria participa em todos os acordos comerciais da UE, que incluem: - Acordo com o Espaço Económico Europeu: Islândia, Liechtenstein e Noruega - União Aduaneira com: Turquia, Sua, Andorra e So Marino - Acordos de Estabilização e de Associação com: Croácia, Antiga Jugoslávia - República da Macedónia e Albânia; em negociações com a Sérvia e com a Bósnia-Herzegovina - Acordos de Parceria e de Cooperação com concentração no aumento do comércio com: Arménia, Azerbaijão, Geórgia, Cazaquistão, Quirguistão, Moldávia, Rússia, Tajiquistão, Ucrânia e Uzbequistão. - Estão em vigor disposições dos Acordos com a Zona de Comércio Livre (EFTA) com: Argélia, Egipto, Israel, Jordânia, Líbano, Marrocos, Tunísia, Autoridade Palestina (interina), Chile, México e África do Sul. A Áustria também membro da OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico).  
Barreiras não relacionadas com as pautas aduaneiras: Em conformidade com a sua qualidade de membro da Uniao Europeia, a Áustria aplica as normas da União Europeia que estão em vigor em todos os países da União Europeia. Embora a UE conte com uma política de comércio externo bastante liberal, há determinadas restrições, sobretudo ao nível dos produtos agrícolas, decorrentes da implementação da PAC (Política Agrícola Comum): a aplicação de compensações importação e exportacao de produtos agrícolas, que visa favorecer o desenvolvimento agrícola dentro da UE, implica um determinado número de sistemas de controlo e regulação para as mercadorias que entram no território da UE. Além disso, por motivos sanitários, tendo em conta os organismos geneticamente modificados (depois de permitidos em território europeu), a sua presença deve ser sistematicamente especificada na embalagem. A importação de bovinos criados com hormonas também proibida. A BSE (muitas vezes denominada "doença das vacas loucas") impeliu as autoridades europeias a reforçar as medidas fitossanitárias para garantir a qualidade das carnes que entram e circulam no território da UE. O princípio da precaução está agora mais generalizado: em caso de dívida, a importação proibida até ser provada a inocuidade dos produtos.  

 

 

Existem também algumas formas de barreiras no tarifárias nos sectores farmacêutico, das telecomunicações, biotecnologia, refrigeração e serviços jurídicos e contabilísticos.

Direitos aduaneiros médios (excluindo produtos agrícolas): 4.2%
Classificação alfandegária : A Áustria utiliza o sistema aduaneiro harmonizado.  
Procedimentos de importação: Os bens importados têm de ser declarados aos serviços alfandegários. Um Documento Administrativo nico (DAU) utilizado para o efeito. O Documento Administrativo nico pode ser apresentado Administração Aduaneira Austríaca por meios físicos ou através de uma declaração electrónica. Para mais informações, clique aqui Hauptzollamt Wien (Gabinete Central Aduaneiro, Viena.
Website das Alfândegas: Hauptzollamt Wien

Organização do Transporte de Bens

Empresas de transporte aéreo:

Listas Comerciais Nacionais

Copyright © 2016 Export Entreprises SA, Inc. All Rights Reserved.
 Partilhar  Versão para impressão  Correio Electrónico
ComentáriosAvaliações (0)
If you are a human, do not fill in this field.
Clique nas estrelas abaixo para avaliar este item
   Os comentários serão truncados para 1000 carácteres