Partilhar  Versão para impressão  Correio Electrónico

Outras traduções

Denmark - Comprar e vender

Contents extracted from the comprehensive atlas of international trade by Export Entreprises

Atrair a Atenção dos Consumidores

Oportunidades de Marketing

Principais agências publicitárias:

Rede de Distribuição

Evolução do sector: A população dinamarquesa possui um dos mais elevados níveis de rendimento da União Europeia, tendo alcançado um PIB per capita de 30.930 dólares em 2004. Por conseguinte, o consumidor dinamarquês um dos mais exigentes da Europa.  

O comércio retalhista alcançou um volume de negócios de 30,6 milhões de euros em 2004, apresentando um crescimento de 6,2% em comparação com 2003.

Tipos de pontos de venda: Ao contrário de outros países europeus, as lojas de bairro desempenham um papel importante no mercado de distribuição dinamarquês. De acordo com o instituto de estatística dinamarquês, em 2004, havia 23.573 entidades legais registadas no comércio grossista e 26.335 no comércio retalhista.  

O sector da distribuição dominado por dois grupos:

- a cooperativa de consumo F.D.B., o maior distribuidor dinamarquês (com 33% da quota de mercado em 2003) e organização proprietária de diversas lojas, tais como a Kvickly, a Brugsen, a OBS, a Irma e a Fakta. A F.D.B. fornece 1.200 pontos de venda (hipermercados, supermercados, mini-mercados e lojas de baixo preço).

- o grupo Dansk Supermarked, com 465 pontos de venda; as suas principais lojas são a Bilka e a Netto.

As 3 grandes cadeias de lojas da Dinamarca são as seguintes:

- Magasin du Nord

- Illum. Embora sejam concorrentes, a Illum e a Magasin du Nord pertencem ao mesmo grupo de origem islandesa, o asBaugur Groupe.

- Salling (parte do grupo Dansk Supermarked).

Os centros comerciais criaram um volume de negócios em termos de vendas de 5,5 mil milhões de euros em 2003, equivalente a 20% do comércio retalhista. O principal centro comercial o Field's Copenhagen, com uma área de 115.000 metros quadrados.

A evoluo dos circuitos de distribuição caracterizada por fusões de serviços de compras centrais e pela criação de novas cadeias, permitindo aos respectivos membros aprovisionarem-se a um custo mais baixo e, desta forma, consolidarem as respectivas posições no mercado.

Procedimentos de Acesso ao Mercado

Cooperação económica: A Dinamarca membro da União Aduaneira da UE. Além disso, também membro do ASEM e, desde que aderiu UE, assinou tratados multilaterais e bilaterais com muitos países.  
Barreiras não relacionadas com as pautas aduaneiras: Em concordância com o seu estatuto de membro da Uniao Europeia (UE), a Dinamarca aplica as regras da mesma que se encontram em vigor em todos os respectivos países. Embora a UE conte com uma política de comércio externo bastante liberal, há determinadas restrições, sobretudo ao nível dos produtos agrícolas, decorrentes da implementação da PAC (Política Agrícola Comum): a aplicação de indemnizações relativamente importação e exportacao de produtos agrícolas, tendo como objectivo favorecer o desenvolvimento da agricultura dentro da UE, implica um determinado número de sistemas de controlo e regulamentação em relação s mercadorias que entram no território da UE.  
Direitos aduaneiros médios (excluindo produtos agrícolas): As transacções efectuadas dentro do EEE são isentas de direitos aduaneiros.
  A Pauta Aduaneira Comum da União Europeia apenas aplicada a mercadorias provenientes de fora da Europa. Geralmente, os direitos aduaneiros são relativamente baixos, especialmente em relação a produtos industriais (4,2% em média).  
Classificação alfandegária : A Nomenclatura Combinada da Comunidade Europeia (CE) integra a nomenclatura SH e suplementário-a com os seus próprios subtítulos, um código de oito dígitos e as suas próprias Notas Legais, criadas para fins da Comunidade.  
Procedimentos de importação: Em relação a mercadorias de peso inferior a 1000 kg ou valor inferior a 1000 EUR, suficiente uma declaração verbal na Alfândega e a apresentação da factura.
  Relativamente a montantes mais elevados, necessário entregar na Alfândega os seguintes itens:
  1) uma declaração resumida (manifesto de carga aéreo ou marítimo) para finalizar o processamento das mercadorias.
  2) uma declaração de direito consuetudinário (DAU - Documento Administrativo nico), bem como os documentos acompanhantes, de forma a permitir a saída das mercadorias da Alfândega.
  O DAU pode ser obtido através das Câmaras do Comércio ou de uma tipografia autorizada. possível aceder a uma plataforma de autorizacao de saída da Alfândega computorizada (SOFI - Sistema Informático de Transporte de Mercadorias Internacional) nas Alfândegas ou em algumas Câmaras do Comércio.  

 

No caso de entregas e compras dentro da Comunidade Europeia, necessário enviar uma declaração de transacção de mercadorias (DEB) ou uma declaração Intrastat Alfândega.

Organização do Transporte de Bens

Organização do transporte de bens da origem para o destino e vice-versa: O maior operador ferroviário da Dinamarca a Danske Statsbaner (DSB - Caminhos-de-Ferro Estatais Dinamarqueses). A Arriva opera em alguns trajectos na Jutlndia e vários outros operadores mais pequenos fornecem serviços locais, principalmente fora da zona de Aalborg.  

Existe uma rede tradicional de comboios suburbanos na área da Grande Copenhaga. Os comboios S (em dinamarquês, S-tog ) são comboios eléctricos que ligam o centro da cidade aos subúrbios de Copenhaga. Estes comboios partem em intervalos de 10 ou 20 minutos. Os comboios S circulam desde as 5 horas (dias teis)/6 horas (domingo) at cerca da meia-noite e meia.

Trata-se de um sistema de transporte ferroviario rápido, automático e sem maquinista, que serve Copenhaga e Frederiksberg. O sistema foi inaugurado em 2002 e possui actualmente duas linhas com 22 estações e uma extenso total de 21,3 km, na sequência da inauguração de um novo troo em 2007, ligando o sistema ao Aeroporto de Copenhaga.
  Poder obter mais informações no website de informacoes sobre transportes.

Empresas de transporte marítimo:
Empresas de transporte aéreo:
Empresas de transporte ferroviário:

Listas Comerciais Nacionais

Agências de comércio e respectivas representações no estrangeiro:
Copyright © 2016 Export Entreprises SA, Inc. All Rights Reserved.
 Partilhar  Versão para impressão  Correio Electrónico
ComentáriosAvaliações (0)
If you are a human, do not fill in this field.
Clique nas estrelas abaixo para avaliar este item
   Os comentários serão truncados para 1000 carácteres